segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Pontes Históricas do Minho


A ponte é uma passagem, para a outra margem .....

Vamos conhecer outras margens, fazendo uma Viagem por algumas pontes históricas do Minho

Ponte da Lagoncinha sobre o rio Ave
A ponte da Lagoncinha atravessa o rio Ave, e situa-se no Lugar da Garrida, na freguesia portuguesa de Lousado, concelho de Vila Nova de Famalicão. Foi construída no século XII, provavelmente nas ruínas de uma estrutura romana que ligava Bracara Augusta a Cale, e foi classificada como monumento nacional em 1943, pelo IPPAR.

Foto: Net

Ponte de Barbeita Rio Ave
Esta ponte sobre o rio de Mouro situa-se no lugar de Ponte de Mouro, e liga Barbeita a Ceivães sobre o rio Mouro, em Monção.

Foto: wikipedia_JoseOlgon


Ponte da Arcos de Valdevez sobre o Rio Vez
Situada na belíssima vila de Arcos de Valdevez, sobre o cristalino rio Vez, este monumento é um dos símbolos da região, parte integrante de uma paisagem bucólica de grande beleza.

Foto: www.guiadacidade.pt

Ponte de Barcelos sobre o Rio Cávado
A Ponte medieval de Barcelos, sobre o Rio Cávado, é uma edificação gótica, do início do século XIV e foi considerada Monumento Nacional. Esta ponte foi sempre um importante local de passagem para os peregrinos do Caminho de Santiago.

Foto: wikipedia_Maragato

Ponte romana de Cavez (Cabeceiras de Baixo) sobre o Rio Tâmega
A Ponte de Cavez é uma ponte localizada em Cavez, Cabeceiras de Basto, sobre o rio Tâmega. Foi construída no século XIII e está classificada como Monumento Nacional desde 1910.

Foto: www.guiadacidade.pt

Ponte Romana sobre Rio Vizela
Em Vizela passava uma via romana que ligava Braga a Amarante, passando por Guimarães. Esta estrada atravessava aqui o rio Vizela, tendo sido construída uma ponte que dura até aos dias de hoje. Esta ponte é conhecida como «Ponte Romana» ou «Ponte Velha» e continua aberta ao trânsito de veículos ligeiros, atestando a robustez da engenharia romana.

Foto: Net

Ponte da Mizarela (Ruivães) sobre o Rio Rabagão
Esta ponte ergue-se sobre o rio Rabagão, no limite do concelho com Montalegre, situada em Ruivães. É uma ponte romana de um só arco, classificada como imóvel de interesse público. Cruza o rio Rabagão perto da confluência com o Cávado, no meio de um cenário grandioso, de penedias e torrentes.

Foto: www.feriasemportugal.pt

Ponte de Rodas (Caldelas) sobre o Rio Homem
Monumento Nacional, de arquitectura civil pública, medieval, construído na Idade Média na freguesia de Caldelas, sob o rio Homem e faz ligação entre a freguesia de Caldelas e o concelho de Vila Verde. É constituída por tabuleiro plano sobre três arcos desiguais, com dois contrafortes com talhamar de contorno triangular e talhante de contorno rectangular.

Foto: olhares.sapo.pt_Manuel Araújo

Ponte de Ponte da Barca sobre o Rio Lima
Ponte sobre o rio Lima Classificada como Monumento Nacional, esta ponte constitui uma das mais notáveis obras construídas no Portugal medieval da primeira metade do século XV.

Foto: http://www.planetware.com

Ponte Romana das Taipas sobre o Rio Ave
Esta Ponte sobre o rio Ave integrava o clássico eixo viário que ligava as localidades de Braga e Guimarães. Construída já em plena época moderna, esta via de comunicação é precedida de um caminho de terra que lhe dá acesso e se desenvolve entre muros delimitadores de diversas pradarias. É considerada a ponte mais baixa que atravessa o Rio Ave.

Foto: wikipedia_Feliciano Guimarães

Ponte de Ponte de Lima sobre o Rio Lima
A Ponte sobre o Rio Lima em Ponte de Lima é uma autêntica obra de arte que mistura o estilo medieval e romano, está classificada como monumento nacional. Esta ponte tem dois troços distintos, um romano e outro medieval. A ponte romana terá sido construída no séc. I, altura da construção da via iniciada por Augusto e que passa sobre a ponte. Os seus múltiplos arcos, quer de características romanas ou medievais, dão à ponte um aspecto único. Assenta em sete arcos de volta perfeita.  A ponte gótica é constituída por 17 arcos, estando dois deles soterrados pela praça de Camões e um outro foi destruído aquando das invasões napoleónica, em 1809.

Foto: Trekearth_ Patrick Ferreira


Ponte de Roldes (Fermentões) sobre o Rio Ave
Esta Ponte romana foi construída nos inícios da época Medieval, servindo ainda hoje para passagem pedonal. É uma ponte pequena com dois arcos.

Foto: www.guiadacidade.pt

Ponte do Porto ou Prozelo sobre Rio Cávado
A Ponte do Porto ou Prozelo, é uma ponte medieval que atravessa o Rio Cávado entre os concelhos de Braga e Amares. Em 1910 foi classificada como Monumento Nacional.

Foto: wikipedia_ Snitrom

Ponte do Prado sobre o Rio Cávado
A Ponte do Prado está localizada sobre o rio Cávado, entre São Paio de Merelim e a vila homónima (Vila de Prado), no distrito de Braga. Foi construída em granito, em 1617, é do tipo românica, constituída por nove arcos (5 ogivais e 4 redondos) e foi classificada como Monumento Nacional em 1910.

Foto: Diogo Guimarães

Fontes: Wikipedia; Guiadacidade; Jornaldasautarquias; outros
Fotografias: Wikipedia: Olhares; Panoramio; www.feriasemportugal.pt; www.guiadacidade.pt; Trekearth; http://www.planetware.com, outras net

 Ponte de Estorãos

 Foto: wikipedia_JoseOlgon

"Ninguém pode construir em teu lugar as pontes que precisarás passar, para atravessar o rio da vida. Ninguém, excepto tu, só tu. Existem, por certo, atalhos sem números, e pontes, e semideuses que se oferecerão para levar-te além do rio; mas isso te custaria a tua própria pessoa; tu te hipotecarias e te perderias.
Existe no mundo um único caminho por onde só tu podes passar.
Onde leva?
Não perguntes, segue-o!" (Friedrich Nietzsche) 


4 comentários:

  1. Bom dia e uma semana excelente

    A arte das pontes e as pontes da vida.
    Maravilhosas fotos e um pouco de história.

    Transporta-nos para a ponte principal da vida onde devemos caminhar seguros e conscientes da nossa responsabilidade em saber fazê-lo com alegria, desportivismo e muita alegria pela caminhada de todos os dias.

    ResponderEliminar
  2. Maria,
    Conhecia alguma, mas a maioria das pontes não conhecia. E como elas são belas, a pedirem uma visita inadiável!

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  3. Ai, Maria, se vc soubesse como gosto deste seu Blog, ainda mais quando há postagens sobre Portugal. Deliro!
    Beijos, querida!
    Renata

    ResponderEliminar
  4. *
    passamos, olhamos,
    e nada vimos !
    ,
    brisas serenas,
    ,
    *

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.