segunda-feira, 27 de junho de 2011

DIVAGANDO pelos Castelos da Escócia


Os castelos são marcos da civilização de uma região, com jardins extraordinários ou paisagens deslumbrantes, para além do património histórico e arquitectónico que representam, eles são fontes de histórias, lendas e mistérios.


Hoje vamos Divagar por alguns dos lindíssimos Castelos da Escócia.





Castelo de Balmoral
O Castelo de Balmoral, é conhecido como Royal Deeside e localiza-se na área de Aberdeenshire, na Escócia. Foi adquirido em 1852 pelo Príncipe Alberto, marido da Rainha Vitoria sendo a residência de Verão da Família Real Britânica.




Castelo Caerlaverock
Localiza-se a Sudeste de Dumfries. Com um imponente portão ladeado por torres gémeas, precedido por um fosso e imponentes muralhas ameadas, Caerlaverock é a epítome das fortificações medievais.




Castelo de Culzean
Este castelo fica perto de Maybole, em Carrick, na costa de Ayrshire. O castelo encontra-se em posição dominante sobre uma formação rochosa no actual Culzean Castle Country Park e encontra-se aberto ao público. Desde 1987 uma ilustração deste castelo encontra-se figurada no reverso das notas de cinco libras emitidas pelo Royal Bank of Scotland.




Castelo de Dunvegan
O Castelo de Dunvegan sempre foi a morada do clã MacLeod e é o mais antigo na Escócia usado sempre pela mesma família.




Castelo de Dunrobin
A 1,6 km a norte de Golspie, com 187 quartos. Foi construído em 1275 e ampliado no século XVII e em finais do XVIII. A maior parte da estrutura actual foi construída entre 1845 e 1850. Residência dos condes e dos duques de Sutherland, conserva móveis de grande valor e dá uma ideia da vida nobreza escocesa.




Castelo de Dunnottar
A principal atracção de Stonehaven fica na costa, 3 km a sul da povoação. As ruínas da fortaleza estendem-se sobre um promontório coberto de erva, que se eleva a 50 metros sobre o mar. Foi aqui rodada a versão de Hamlet, protagonizada por Mel Gibson pelo realizador de cinema Zeffirelli. A fortaleza primitiva foi construída no século IX.




Castelo de Eilean Donan
Situado à entrada do lago Duich, no seu interior, há uma exposição da história da região e elementos decorativos de interesse: escadas em caracol, tectos abobadados, móveis do século XVII e uma recreação da cozinha de 1932. Destruído em 1719, foi reconstruído entre 1912 e 1932.




Castelo de Edimburgo
É uma antiga fortaleza que domina a silhueta da cidade de Edimburgo, a partir da sua posição no topo do Castle Rock (Rochedo do Castelo). Trata-se de um dos mais importantes castelos do país. A ocupação humana no local remonta ao século IX. No entanto, poucas das estrutruras do castelo actual são datadas antes do cerco Lang do século XVI, com a notável excepção da Capela de Santa Margarida, o mais velho edifício sobrevivente de Edimburgo, a qual remonta ao início do século XII. Entre as suas atracções estão as jóias da Coroa Escocesa: a Coroa, a Espada e o Ceptro encontram-se entre as mais antigas da Europa.




Castelo de Fyvie
Fica situado a 13 km a sul de Turrif, em Aberdeenshire. O início da construção do castelo remonta ao século XIII. Fyvie foi o local de um tribunal ao ar livre realizado por Robert, o Bruce, e Carlos I de Inglaterra passou aí a sua infância.




Castelo de Glamis
Cenário de Macbeth, encarna a essência do castelo escocês, tendo como pano de fundo os montes Grampianos e um extenso e espectacular parque. Foi sujeito a profundas reformas no século XVII. No interior, o que mais impressiona é o salão, com o tecto enfeitado de molduras. A cripta contém uma exposição de armas e armaduras e as paredes da capela estão cobertas de frescos. Podem percorrer-se os aposentos reais, incluindo o quarto da Rainha-Mãe.




Inveraray Castle
Castelo localizado perto de Inveraray em Argyllshire, foi construído pelo 3º Duke de Argyll em 1740.




Lauriston Castle
O Lauriston Castle é um palácio com vista para o Fiorde de Forth, em Edimburgo. Foi construído no século XVI como torre-casa, tendo sido ampliado no século XIX. Os jardins de Lauriston incluem um notável Jardim Japonês.




Castelo Fraser
O Castelo Fraser localiza-se em Kemnay, no condado de Aberdeenshire. É o castelo de planta em "Z" mais elaborado do país e um dos maiores "Castelos de Mar". Está inscrito em um parque aberto de 121,41 hectares com terras de cultivo, que inclui um jardim e floresta.





Castelo de Urquhart
As destruições e reconstruções foram tão frequentes que é quase impossível adivinhar a sua história. Em 1600 já não tinha utilidade, pois existiam outras residências mais cómodas e fortalezas poderosas como Fort William e Inverness. Em 1692 foi destruído para evitar que fosse tomado pelos jacobitas. Os seus restos debruçam-se sobre o lago Ness.




Fontes: Wikipedia; http://www.scotland-inverness.co.uk/; http://www.rampantscotland.com/; Outros


* Fotos: Net
As fotografias sem indicação dos autores é porque não os consegui identificar. Se forem suas, por favor queiram contactar-me que colocarei imediatamente o seu nome, ou retiro-as se for esse o seu desejo. Não é de maneira nenhuma minha intenção quebrar direitos de autor.

Photographs without the authors’ names are because I could not identify them. If they are yours, please contact me and I will put immediately your name, or remove them, if that is your wish. It is not my intention to break authors rights.




Mesmo não sendo possível fazer uma viagem física, nada nos impede de conhecer novos locais, novos costumes, desde paisagens de sonho a castelos encantados, tudo é possível se abrirmos a nossa alma e deixarmos o nosso espírito divagar através de fotografias, pois estas conseguiram fixar para sempre aquele momento ou aquele local, fazemos assim uma viagem virtual. Por isso gosto tanto de fotografia!

5 comentários:

  1. Lindíssimos! Mas também temos grandes exemplares em Portugal!

    ResponderEliminar
  2. São lindos os castelos! E quantas histórias e emoções nas frinchas dessas velhas paredes...
    Bela postagem.
    Beijocas.

    ResponderEliminar
  3. gostaria de ter condições para conhecer todos estes castelos, pois é literalmente o meu sonho.

    aryanne

    ResponderEliminar
  4. Já li vários romances com passagens em castelos, e ver estes castelos na Escócia, me deixou com mais vontade de viver uma dessas histórias, quem sabe um dia ainda não irei em um desses belos castelos que até parecem uma miragem!

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.