quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Belmonte


Portugal tem localidades com paisagens lindíssimas e um património histórico fascinante. Em Junho fui até à região da Serra da Estrela e fomos visitar Belmonte, fiquei encantada. Hoje levo-os comigo a visitar esta histórica Vila .


A vila de Belmonte situa-se no Distrito de Castelo Branco, no panorâmico Monte da Esperança (antigos Montes Crestados). A história da vila remonta ao século XII, quando o concelho municipal recebeu foral de D. Sancho I em 1199. Dado se tratar de uma zona de fronteira com o Reino de Leão, iniciou-se nessa altura a construção de um reduto fortificado que nos finais do século XIII, a pedido do Bispo de Coimbra, a cujo senhorio pertencia, é transformado em castelo. Aqui nasceu o filho de Fernão Cabral, alcaide-mor de Belmonte, Pedro Álvares Cabral que em 1500, comandou a 2ª. Armada à Índia e durante a sua missão descobriu o Brasil.


Cuidada, limpa e com ruas que nos fazem lembrar outros tempos, dá prazer passear pelo seu centro histórico e ir apreciando cada recanto.


Do Património edificado em Belmonte saliento:

■ Castelo de Belmonte
Em posição dominante sobre uma elevação à margem esquerda do rio Zêzere, este castelo medieval tem a sua história ligada à dos descobrimentos portugueses e à do Brasil, uma vez que os seus Alcaides pertenciam à família do navegador Pedro Álvares Cabral. É formado pela Torre de Menagem, vestígios da antiga alcaidaría (Paço dos Cabrais) e um moderno anfiteatro ao ar livre, rodeado por imponentes muralhas.


Da lindíssima janela Manuelina a vista é deslumbrante e pode-se contemplar a Serra da Estrela em toda a sua extensão.


■ Capelas de St. António e do Calvário de Belmonte
Na capela de Santo António que se pensa ser a mais antiga (séc. XI/XVII), encontra-se um brasão com as armas das famílias Queiroz, Gouveia e Cabral. A Capela do Calvário data do século XIX.


Á direita das capelas encontra-se a cruz de madeira de Pau Santo do Brasil (réplica da que foi mandada levantar por Cabral na 1ª missa celebrada no Brasil), oferecida nos anos 50 pelo presidente brasileiro Kubichek de Oliveira.


■ Igreja de S. Tiago
Templo românico do século XIII, foi sofrendo alterações ao longo dos tempos. No século XIV é construída a Capela de Nossa Senhora da Piedade. O altar lateral, também conhecido por capela de N.ª Sr.ª da Piedade, constitui uma preciosa peça gótica com capitéis finamente trabalhados, e onde se guarda o túmulo de Maria Gil Cabral, fundadora da capela nos finais do séc. XIV.


■ Panteão dos Cabrais e Torre Sineira
Em finais do século XV é anexada à Igreja de São Tiago o Panteão dos Cabrais. Restaurado no século XVII, encontra-se lá o túmulo com os restos mortais de Pedro Álvares Cabral, bem como de outros elementos desta ilustre família. No século XVIII, a sua fachada é remodelada e a torre sineira é erigida.


■ Museu Judaico de Belmonte
Foi inaugurado a 17 de Abril de 2005. Retrata a longa história da comunidade judaica na região, que resistiu a longos anos e séculos de perseguição religiosa. É o primeiro museu deste género em Portugal, localizado no último reduto da comunidade criptojudaica aí instalada por volta do século XV. O espaço está dividido em três pisos. No primeiro existe um átrio/recepção, a loja do museu e um auditório; no segundo encontra-se a exposição permanente; enquanto o terceiro destina-se a exposições temporárias e a um Centro de Estudos Judaicos. O museu expõe mais de uma centena de peças religiosas, do dia-a-dia e de uso profissional utilizadas por famílias hebraicas, especialmente da Beira Interior e Trás-os-Montes.

■ Ecomuseu do Zêzere
Museu também conhecido como "Tulha dos Cabrais", por se encontrar num edifício do século XVIII onde eram guardadas as rendas da família Cabral é dedicado à história do Rio Zêzere, à sua fauna e flora.


■ Igreja Matriz de Belmonte
Construção recente dos anos 40, alberga a imagem quatrocentista de Nossa Senhora da Esperança, que segundo a tradição acompanhou Pedro Álvares Cabral na viagem da descoberta do Brasil.

■ Museu dos Descobrimentos
O Museu dos Descobrimentos “À Descoberta do Novo Mundo”, é um espaço interactivo, com recurso às novas tecnologias multimédia, dedicado às descobertas marítimas e em especial à viagem de Pedro Álvares Cabral ao Brasil. Está espectacular!


■ Museu do Azeite
Instalado no antigo Lagar de Azeite, onde lhe é dado a conhecer o processo de fabricação do azeite.

■ Sinagoga de Belmonte
A Sinagoga Bet Eliahu, a Casa de Elias, foi projetada pelo arquiteto Neves Dias sendo inaugurada em 1997.

Foto: Net
Onde Dormir:

■ HOTEL BELSOL – Tudo impecável, desde o quarto, à limpeza, comida e um atendimento profissional e acolhedor. Recomendo.


■ POUSADA CONVENTO DE BELMONTE
■ CASA DO CASTELO

Apartamentos:
http://www.classificados.pt/
http://pt.anuncioo.com/
http://www.homelidays.com/
http://www.bigcasa.pt/
http://portugal.gabinohome.com/

Gastronomia
Relativamente à Gastronomia é de referir Cabrito assado, ensopado de cabrito, bolo de canela, filhós e biscoitos.

Onde comer:
Recomendo pela excelente qualidade da comida e do serviço:

■ Restaurante Brasão
■ Restaurante Casa do Castelo
■ Restaurante Grelha
■ Restaurante Belsol

Festas e Romarias
As FEIRAS ANUAIS são em 25 de Março, 2 de Setembro e 8 de Dezembro.

MERCADO QUINZENAL: 1ª e 3ª Segundas-feiras do mês.

Festa de Nossa Senhora da Esperança a 26 de Abril
Festa de Santo Antão no último Domingo de Maio
Festa do Corpo de Deus e Senhor dos Paços
Festa de Santa Marta (Quinta das Pereiras) último fim de semana de Julho.

Esta vila encantadora alia a sua beleza paisagística a toda a envolvente histórica, tornando este local uma visita obrigatória.

Vá visitar, Vale a pena.

Fontes e Fotos: wikipedia; http://www.cm-belmonte.pt/; www.guiadacidade.pt/; http://www.igogo.pt/; http://www.igespar.pt/ ; Olhares;; http://www.trekearth.com/; Flickr; Panoramio; outros.


Sempre que viajamos seja física ou virtualmente (através por exemplo da leitura), alargamos os nossos horizontes, pois vamos conhecer novos locais, novos costumes, novas realidades e gentes. Aumentamos o nosso conhecimento e enriquecemos interiormente.

11 comentários:

  1. Ainda não comheço Belmonte mas aguçou-me a vontade.

    ResponderEliminar
  2. Descobri hoje sem querer o seu blogue e gostei muito! Parabéns pelo blogue!
    Fiquei com vontade de ir a Belmonte...
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  3. Boa Noite!
    Meu Blogue “Lusofonia Poética“ está sendo Homenageado no Blogue “Um Farol Chamado Amizade”. Convido a todos para irem até lá e conhecer m esse espaço cultural.
    Sua visita me deixará muito feliz.

    http://nuestramizade.blogspot.com/

    Beijo,
    Mara

    ResponderEliminar
  4. Descobri hoje como a Serra das Estrelas é belíssima. Eu também fiquei com vontade de ir a Belmonte. Parabpens Maria, sempre com textos e fotografias maravilhosas.
    Abraços do Brasil.
    Norma

    ResponderEliminar
  5. Gostei de "viajar" por esta cidade de tanta beleza.
    Anotei tua indicação !
    Obrigada!

    Um beijo

    ResponderEliminar
  6. Boa noite, Maria!

    Agradeço pela visita e retribuo a gentileza me deleitando neste lindo lugar, quando viajo sem sair de casa, por meio do seu blog.

    Viajar é um grande ensinamento!

    Um beijo, c/ meu carinho!! =)

    ResponderEliminar
  7. Como foi bom recordar. Um encanto viajar por aqui. Beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  8. http://belmonte1500.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.