quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Viagem ao México II



A Riviera Maia é um autêntico paraíso, quer pela sua beleza natural quer pelo seu riquíssimo património histórico.




O tempo que tinhamos foi pouco, para o muito que havia a visitar. Uma das visitas como não podia deixar de ser foi a Chichen Itzá e a Ek-Balam.




Chichen Itzá, antiga cidade maia, é um local muito especial, místico e lindo que foi considerado "Património da Humanidade" em 1988.




No local, são várias as estruturas que contam a historia do povo Maia, como a pirâmide de Kukulkán, o Templo de Chac Mool, a Praça das Mil Colunas ou Campo de Jogos dos Prisioneiros.








A Pirâmide de Kukulcán ou «El Castillo» foi construída no século XII d. C.




O seu desenho tem uma forma geométrica piramidal, conta com nove níveis ou patamares, quatro fachadas principais cada uma com uma escadaria central, e um patamar superior terminado por um templo. O alinhamento da construção da pirâmide permite observar diversos fenômenos de luz e sombra, os quais ocorrem cada ano no seu próprio corpo durante os equinócios e solstícios. Assim, as grandes esculturas de serpentes emplumadas, que guarnecem a escadaria Norte, devido à forma como as suas sombras se projetam, parecem mover-se durante os equinócios da primavera e do outono.






Fomos depois visitar Ek Balam. Construída no Período Clássico Maya, tem uma grande pirâmide central, dois palácios, e numerosos outros templos e edifícios.




Em Ek-Balam subimos à "Pirâmide" e a vista lá de cima é impressionante.....






Depois foi a descida, e neste caso descer foi bem mais dificil devido à inclinação e à altura dos degraus.




Paragem para dar um mergulho num cenote maia. A palavra cenote significa “caverna com depósito de água”, são poços naturais bastante profundos, rodeados de densa vegetação. O que fomos visitar calculava-se que tinha cerca de 40 metros de profundidade e estava repleto de peixes gato.






Visita ao parque Xcaret, um paraíso da natureza.








Xcaret é um parque eco-arqueológico onde para além de se poder apreciar a fauna e flora da região se pode ficar a conhecer um pouco melhor a cultura méxicana.







Toda a àrea junto ao mar é fantástica ....









É possível realizar várias atividade como mergulho, snorkeling, nadar em rios subterrâneos, nadar com tubarões, raias gigantes ou golfinhos, ou fazer uma caminhada debaixo de água. É uma maravilha também para os menos radicais e que preferem apenas descansar um pouco e apreciar a beleza ao redor.







Um dos locais que mais gostámos foi o Mariposário. É um sitío simplesmente maravilhoso, onde as  borboletas voam livremente no meio da vegetação.




As borboletas estão tão habituadas às pessoas que bastava ter um "miminho" como metade de uma laranja ou manga na mão que elas vinham ter connosco ...








A visita terminou com um fantástico espectáculo. Como não consegui tirar fotos do interior, pois fiquei sem bateria, procurei na net para poder deixar também aqui um registo desses momentos especiais.




Foto: http://www.tours-cancun.net


Um dia não é suficiente para conhecer tudo o que este local incrível tem para oferecer.




O México é um país impressionante que alia a sua extraordinária beleza natural, ao seu passado maia e à simpatia do seu povo e nos faz sentir no paraíso. Ficaram as recordações, as saudades e uma imensa vontade de voltar.



"A fotografia é a poesia da imobilidade: é através da fotografia que os instantes deixam-se ver tal como são." (Peter Urmenyi)


4 comentários:

  1. Amei! Mas aquela "escadinha"... dispenso!

    ResponderEliminar
  2. Maria! Que DESLUMBRANTE!

    Eu nem imaginava que tudo era tão bonito assim!

    Aquele lago... uau! Fantastico.

    Sobre as escadas, deve ser meio dificil mesmo, mas vale o esforço.


    Beijos

    ResponderEliminar
  3. OI MARIA!
    QUE MARAVILHA, FAZER UM PASSEIO DESTES E NO MÉXICO AINDA COM TODAS ESTAS BELEZAS É UM PRIVILÉGIO.
    AS FOTOS ESTÃO LINDAS, E VOCÊS DÁ PARA SE PERCEBER, MUITO FELIZES.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Ola gostaria de saber o valor pago para visitar o ek Balam + o cenote ?o pagamento e em dolar ou pesos mexicanos ? agradeço atenção , Jonas, aguardo resposta por e-mail :jonasponte@hotmail.com

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.