quarta-feira, 9 de julho de 2014

Amazónia


A Amazônia é uma região na America do Sul, que ocupa a maior parte da Bacia Amazônica. Dos sete milhões de quilômetros quadrados desta Bacia, cinco milhões e meio são cobertos pela floresta tropical, a Floresta Amazônica. Esta região inclui territórios pertencentes a nove paises. No Brasil ficam 60 por cento das florestas, seguido pelo Peru com 13 por cento e com pequenas quantidades na Colômbia, Venezuela, Equador, Bolívia, Guiana, Suriname e Guiana Francesa.


Foto: www.wallpaperswala.com

Foto: www.hd2wallpapers.com


Uma área de seis milhões de hectares no centro de sua bacia hidrográfica, incluindo o Parque Nacional do Jaú, foi considerada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, Património da Humanidade.


Foto: wikipedia_David+Evers


Existem duas alternativas para a etimologia da palavra "Amazónia". Uma das alternativas para o nome do rio "Amazonas" teria sido inspirada nas mulheres guerreiras da Mitologia grega, as amazonas, pelo facto de em 1541 quando o capitão espanhol Francisco de Orellana desceu dos Andes na procura de ouro, ter travado uma violenta luta com uma tribo de índias guerreiras. Existe uma outra etimologia alternativa defendida pelo historiador Karl Lokotsch, que indica ser o nome Amazonas de origem indígena, proveniente da palavra amassunu, que quer dizer "ruído de águas, água que retumba".


Foto: 1ms.net

Foto: 1ms.net

Foto: wikipedia_Corey+Spruit


A Amazónia é uma floresta tropical fechada, formada em boa parte por árvores de grande porte, situando-se próximas uma das outras. Vista da céu parece um enorme mar verde. A dificuldade para a entrada de luz pela abundância de copas das árvores faz com que a vegetação rasteira seja escassa.


Foto: naturespicwallpaper.c

Foto: www.wallpaperswala.com


O clima é equatorial, quente e húmido, devido à proximidade à Linha do Equador, com a temperatura variando pouco durante o ano e com chuvas muito abundantes. O solo é pobre, contendo apenas uma fina camada de nutrientes formado pela decomposição de folhas, frutos e animais mortos, no entanto este rico húmus é matéria essencial para as milhares de espécies de plantas e árvores que se desenvolvem nesta região.


Foto: wallpaperich.com


Relativamente à flora, a diversidade de espécies de plantas é a mais alta da Terra, sendo que alguns especialistas estimam que um quilômetro quadrado amazônico pode conter mais de mil tipos de árvores e milhares de espécies de outras plantas superiores.


Foto:  varios Net

Foto: net 

Foto: wallpaperich.com


A planta mais famosa da Amazónia é a vitória-régia, sendo esta a sua flor símbolo. Conhecida como a "rainha dos lagos", a vitória régia (Vitoria regia lindl) abre as suas folhas nas águas rasas e sem correnteza, formando uma bandeja redonda verde. Chega a medir de 1m a 1,80m de diâmetro. Foi batizada com este nome por um naturalista inglês para homenagear a rainha Victoria pela sua exuberância. A flor muda de cor com o tempo; no primeiro dia de abertura, os botões são brancos e se tornam rosados no segundo dia. A partir do terceiro dia começa a desabrochar às 17h e completa o ciclo às 21 horas.


Foto: vicvapor.com

Foto: wikipedia_Frank Wouters


A Vegetação da Amazônia não é homogênea, ela é formada por um mosaico de hábitats bastante distintos. A diversidade de hábitats inclui as florestas de transição, as matas secas e matas semidecíduas; matas de bambu (Guadua spp.), campinaranas, enclaves de cerrado, buritizais, florestas inundáveis (igapó e várzea), e a floresta de terra firme.


Foto: www.wallpaperswala.com


Existe também uma inigualável biodiversidade, de espécies animais. A região é o lar de cerca de 2,5 milhões de espécies de insetos,26 dezenas de milhares de plantas e cerca de 2 000 aves e mamíferos. Até o momento, pelo menos 40 000 espécies de plantas, 3 000 de peixes, 1 294 aves, 427 mamíferos, 428 anfíbios e 378 répteis foram classificadas cientificamente na região. São vários os animais exóticos aqui existentes, como por exemplo o peixe-boi (de mais de 2 metros de comprimento), a ave guará, o poraquê, e o “peixe elétrico” que consegue libertar uma carga de alta voltagem.


Foto: 1ms.net

Foto: net

Foto: wikipedia_H.Krisp


A maior parte da fauna amazônica é composta de animais que habitam as copas das árvores, entre 30 e 50 metros, como por exemplo macacos, cobras, marsupiais, tucanos, pica-paus, roedores, morcegos entre outros. Um em cada cinco de todos os pássaros no mundo vivem nas florestas tropicais da Amazônia.


Foto: www.freebestwallpapers.info


Foto: wikipedia_Mathew+Romack


Um dos principais afluente da Bacia Amazónica é o rio Amazonas, considerado o rio mais volumoso do mundo. A área coberta pela água no Rio Amazonas e dos seus afluentes mais do que triplica durante as estações do ano. Em média, na estação seca, 110 000 km² estão submersas, enquanto que, na estação das chuvas, essa área chega a ser de 350 000 km². No seu ponto mais largo, atinge, na época seca, 11 km de largura, que se transformam em 45 km na estação das chuvas.


Foto: www.fullhdwpp.com

Foto: www.wallpaperswala.com


A sua bacia hidrográfica possui a maior diversidade de peixes do mundo, estima-se entre 2500 e 3 mil espécies.
 

Foto: wikipedia_Neil+Palmer_CIAT

Foto: Luc Viatour / www.Lucnix.be


Um dos principais problemas é o desmatamento, quer por empresas madeireiras que se instalam na região para cortar e vender troncos, quer pelos fazendeiros que provocam queimadas na floresta para ampliação de áreas de cultivo (principalmente de soja). Estes dois problemas preocupam cientistas e ambientalistas de todo o mundo, pois podem provocar um desequilíbrio no ecossistema da região, colocando em risco a floresta.


Foto: www.upthejoneses.com


A Amazónia é uma região que abriga a maior floresta tropical do planeta e a maior biodiversidade da terra. Toda esta rica e exuberante natureza deve ser preservadas para as gerações futuras.  A exploração dos recursos da Amazónia deverá ser feita com equilibro e sensatez e de uma forma sustentável, sem destruir a natureza.


Foto: wallpaperich.com


Fontes e Fotos: Wikipedi; www.wallpaperswala.com ; vicvapor.com; www.upthejoneses.com ; www.fullhdwpp.com; www.freebestwallpapers.info; www.wallpaperswala.com; 1ms.net; www.hd2wallpapers.com; wallpaperich.com; http://www.atakanamazon.com/; http://www.amazon-rainforest.org/; http://amazonia.org.br/; http://www.amazon-rainforest.org/fauna.html; http://www.wwf.org.uk; http://www.wwf.org.uk/; Luc Viatour / www.Lucnix.be ; outros net.


Foto: www.wallpaperswala.com


Não podendo conhecer ao "vivo" todos os incriveis locais do nosso planeta, podemos sempre viajar através de fotografias e de texto. A net é o meu meio de alargar os horizontes, de conhecer sitios muitas vezes longínquos, outras bem mais pertinho, mas sempre locais com uma beleza muito especial e própria que encantam o olhar e ajudam a aliviar a alma das agruras que por vezes me atormentam. O meu sincero OBRIGADO a todos os fotografos que permitem a todos nós divagar.


1 comentário:

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.