quarta-feira, 23 de julho de 2014

Divagar pela Sibéria


 A Sibéria é uma vasta e surpreendente região da Rússia e do Norte do Cazaquistão. Com 4000 Km de largura e ocupando 10 007 400 km2 (58% da área da Rússia) encontra-se integralmente no norte da Ásia, estendendo-se dos Montes Urais ao Oceano Pacífico, e para sul desde o Oceano Ártico até aos montes do centro-norte do Cazaquistão e até à fronteira com a Mongólia e China.


Foto: onlyhdwallpapers.com

Foto:www.trekearth.com_Lyudmila Vshivkova


Geograficamente, pode ser dividida na Planície Ocidental Siberiana e o Planalto Central Siberiano. A Planície Ocidental Siberiana consiste principalmente de depósitos aluviais do Cenozóico e é extraordinariamente baixa, tanto que um aumento do nível do mar de 50 metros causaria a inundação de todas as terras entre o Oceano Ártico e Novosibirsk. Os rios principais são o Ob e o Ienissei. Na zona sul da planície, onde já não há permafrost, terras de pastagem (estepes) formavam a vegetação original, hoje já é rara.


Foto: www.trekearth.com_Merlin


O Planalto Central Siberiano situa-se entre os rios Ienissei e Lena. Ocupa cerca de 3,5 milhões de km2, e a altitude máxima é de 1 701 metros. O território é ocupado principalmente por florestas de coníferas. Os recursos minerais são abundantes, especialmente carvão, ferro, ouro, diamantes e gás natural.


Foto: www.eco-russia.com


A ocupação humana da Sibéria é principalmente urbana. Dentro das principais cidades da Sibéria é de referir Irkutsk, Barnaul, Krasnoyarsk, Novosibirsk, Omsk, Tomsk.

Irkutsk - Exaltation of the Cross Church
Foto: Wikipedia

Krasnoyarsk - Railway station
Foto: www.trekearth.com_Lyudmila Vshivkova


A região da Sibéria Ocidental devido à sua abundância de recursos naturais é bastante importante do ponto de vista econômico.


Foto: wikipedia_Vadim tLS Andrianov

Foto: www.trekearth.com_BernardGrua


É composta por nove sub-regiões , Altai Krai , República de Altai, Kemerovo Oblast, Khanty- Mansi Okrug , Novosibirsk Oblast, Omsk Oblast, Tomsk Oblast, Tyumen Oblast e Yamalo- Nenets Okrug .


Foto: www.trekearth.com_Vitaliy Zhitkov (Jazator)


Altai Krai , com suas pastagens deslumbrantes , lagos, rios , montes e montanhas, é uma área predominantemente agrícola. Incorpora parte da majestosa Serra Altay e tem mais de 20.000 rios, afluentes e cursos d'água que flui através dele , criando cenas de tirar o fôlego e de extrema beleza natural. 


Foto: www.1ms.net

Foto: www.trekearth.com_Bionik


Novosibirsk Oblast está localizado entre os rios Ob e Irtysh, tendo uma grande parte da sua área coberta de florestas antigas. Uma das atrações desta cidade, que é a terceira maior da Rússia, é o templo de São Alexander Nevsky. É informalmente conhecida como a "Capital da Sibéria”.

Foto: www.56phparalell.com

Foto: www.trekearth.com_Steve Yeaman


A cidade de Tyumen foi a primeira a ser criada na Sibéria e tem uma fascinante riqueza arquitetónica, museus e vários centros culturais. O centro administrativo de Tyumen Oblast situa-se na cidade de Salek, que afirma ser a única cidade do mundo que está situada no círculo polar, tendo um impressionante monumento em homenagem à sua localização.


Foto: wikipedia_Igor Nikolai


A Sibéria Oriental é uma área incrível e praticamente intocada. É composta pelo República Buryat , Irkutsk Oblast, a república de Khakassia , Krasnoyarsk Krai, a República de Tuva e Zabaykalsky Krai.


Foto: wikipedia_InvictaHOG


Devido ao clima rigoroso nesta região, o desenvolvimento e crescimento da população tem sido muito limitado. A maioria dos habitantes vive nas cidades em apartamentos, aqueles que habitam em áreas rurais têm casas de madeira, para melhor fazer face aos rigores do clima. 


Foto: www.trekearth.com_Lyudmila Vshivkova


A região é enorme e, como tal , tem uma imensa variedade de paisagens. No extremo norte da Sibéria, onde as temperaturas podem chegar tão baixo como -68 graus Celsius no inverno, encontra-se a tundra. Também se encontram planícies pantanosas, áreas densamente florestadas e montanhas com picos acima de 3.000 metros. 


Foto: www.trekearth.com_JanH


Dado a enorme extensão da Sibéria, o clima varia dramaticamente entre o polar e o continental. Na costa norte, ao norte do Círculo Ártico, o verão é muito curto (cerca de apenas um mês de duração). Na Sibéria situa-se o local habitado mais frio do mundo, a aldeia de Oymyakon com a temperatura mais baixa registada de -71,2 ° C.

Foto: genspot.com


O ponto mais alto na Sibéria, é o vulcão ativo Klyuchevskaya Sopka, na Península de Kamchatka, fazendo parte do anel de fogo do Pacífico. O seu pico está em 4.650 metros de altitude.

Foto: wikipedia


Flora
A vegetação é diversificada consoante a região, sendo principalmente taiga, tundra com um cinto na margem norte, e uma zona de floresta temperada no sul. A Região norte, conhecida como deserto ártico, tem pouca vida vegetal, sendo quase restrita aos líquenes e musgos.

Foto: wikipedia_Mikhail Koninin

Foto: www.trekearth.com_BernardGrua

Foto: www.trekearth.com_Tynu

Foto: www.panoramio_psyandr


Fauna
À semelhança da flora, a fauna também varia consoante a zona. Na região norte, como é uma área de vastas extensões de costa a vida animal, de referência são as aves e os mamíferos moradores do mar. Nas regiões de tundra são encontrados predominantemente espécies de pequenos animais, como raposas árticas , lemmings e lebres brancas, assim como renas. A sul na zona de floresta , também conhecida como taiga, são residentes entre muitos outros, os alces, ursos, linces, renas, perdizes, pica-paus e mochos.


Foto:freehdwalls.net


A floresta de folha larga são o lar do javali, veado e martas. Na fauna é sem sobra de dúvidas de referir o incrível e belo tigre de Amur, que se encontra criticamente ameaçado.


Foto: wikipedia_Appaloosa


É na Sibéria que se localiza o maior lago de água doce da Ásia, o maior em volume de água do mundo, o mais antigo (25 milhões de anos) e o mais profundo da terra, com 1680 metros de profundidade, trata-se do lago Baikal.

Foto: www.trekearth.com_Merlin


Economia
Relativamente à Economia, a Sibéria é extraordinariamente rica em minerais , contendo quase todos os minerais economicamente valiosos. Possuí algumas das maiores jazidas mundiais de níquel, ouro, chumbo , carvão, molibdênio , gesso , diamantes, diopside , prata e zinco , bem como vastos recursos inexplorados de petróleo e gás natural. A agricultura é severamente limitada pelo curto período de crescimento da maior parte da região. No entanto, no sudoeste , onde os solos são de terras pretas muito férteis e o clima é um pouco mais moderado, há extensos cultivos de trigo , cevada, centeio e batatas. Também aqui existe pastagem de um grande número de ovelhas e gado.


Foto: www.trekearth.com_Jan Hilbrands


Nas regiões mais agrestes devido à baixa fertilidade dos solos podzólicos e ao facto dos períodos propicios ao crescimento das plantas serem muito curtos , a alimentação é feita em grande base do pastoreio de renas na tundra - que tem sido praticada pelos nativos à mais de 10.000 anos. A Sibéria tem as maiores florestas do mundo, continuando a madeira continua a ser uma importante fonte de receitas.


Foto: www.free-hdwallpapers.com


Religião
Há uma variedade de crenças ao longo da Sibéria, incluindo Cristianismo Ortodoxo, o budismo tibetano e o islamismo. Estima-se que 70 mil judeus vivem na Sibéria. O grupo predominante é a Igreja Ortodoxa Russa. A Sibéria é considerada como o locus clássico do xamanismo e politeísmo é popular. Estas religiões nativas datam de centenas de anos.


Foto: www.trekearth.com_Kheshkiwaal

Foto: wikipedia_Baikalsky


A Siberia é um lugar de grandes maravilhas geológicas e de rara diversidade biológica. Plena de história e tradição, com paisagens inusitadas e uma surpreendente vida selvagem é uma região fascinante.

Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.russia-channel.com/; www.Trekearth.com; www.free-hdwallpapers.com; www.panoramio.com; onlyhdwallpapers.com; www.56phparalell.com ; www.1ms.net; genspot.com; www.eco-russia.com; outros net.


Foto: www.panoramio.com_Jul@


Não podendo conhecer ao "vivo" todos os incriveis locais do nosso planeta, podemos sempre viajar através de fotografias e de texto. A net é o meu meio de alargar os horizontes, de conhecer sitios muitas vezes longínquos, outras bem mais pertinho, mas sempre locais com uma beleza muito especial e própria que encantam o olhar e ajudam a aliviar a alma das agruras que por vezes me atormentam. O meu sincero OBRIGADO a todos os fotografos que permitem a todos nós divagar.

Sem comentários:

Enviar um comentário

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.