domingo, 22 de fevereiro de 2015

Castelo de Schwetzingen


O Palácio ou Castelo de Schwetzingen, localiza-se na cidade de Schwetzingen, entre Heidelberg e Mannheim, na Alemanha.

Foto: Wikipedia_Paddy


Em 2007 foi proposto o reconhecimento da residência estival de Schwetzingen como Património da Humanidade pela UNESCO.


Foto: loveisspeed.blogspot


As origens do Schwetzingen Palace (Schloss Schwetzingen) datam de 1350, quando foi construído no local um pequeno castelo com um fosso. Depois de uma conturbada história, Schwetzingen floresceu sob o Palatino Príncipe Eleitor Carl Theodor (1724-1799). Ele instruiu os principais arquitectos paisagistas da época para projetar os jardins, incluindo Nicolas de Pigage e posteriormente Friedrich Ludwig von Sckell, com a ajuda de muitos artistas de renome.


Foto: www.schwetzingen.de
Foto: wikipedia_Andree Stephan

Foto: wikipedia_goutamkhandelwal

Foto: wikipedia_Misburg3014

Foto: Wikipedia_Bgabel_BW

Foto: Wikipedia_Wolfgang Staudt


O palácio deve a sua forma atual ao príncipe-eleitor Johann Wilhelm, tendo por base desenhos do arquitecto Johann Adam Breuning, entre 1700 e 1750.


Foto: Wikipedia_Wolfgang Staudt


Os jardins transformaram-se numa obra-prima de rara beleza e rica variedade. A parte central dos jardins, incluindo o Zirkelbauten (alas do edifício principal, que formam um semi-círculo), avenidas arborizadas e uma platéia circular, é definida geometricamente, com foco na simetria e ordem. O arquitecto paisagistico Zeyher, criou em 1802, o Arbureum, um jardim com uma bela colecção de plantas de madeiras exóticas. Especialmente notável, é a porta de ferro forjado da autoria de Franz Wilhelm Rabaliatti. 


Foto: wikipedia_warburg


A maior atração do palácio de Schwetzinger são seus jardins em diversos estilos (Francês, inglês e turco) finalizados com um lago com cisnes. 


Foto: Wikipedia_Wolfgang Staudt

Foto: wikipedia_4028mdk09_Allee

Foto: loveisspeed.blogspot

Foto: http.gardeningingermany.com

Foto: wikipedia-Schwetzingen

Foto: wikipedia_Harke-Schwetzingen


No jardim francês é de particularmente apreciar a belissima é a fonte central, chamada Fonte de Arion, uma obra de Guibal. Tem como tema uma história da grega Arion.


Foto: wikipedia_Maulaf


O Chwetzingen Palace Gardens é um património cultural de importância europeia, com mais de 100 esculturas espalhadas por toda a maravilhosa paisagem.


Foto: vários net

Foto: wikipedia_Paddy

Foto: wikipedia_Paddy


Uma variedade de edifícios extravagantes dão um toque exótico.


Foto: www.balkanforum.info

Foto: net


O Apollotempel (templo de Apolo), um pequeno edifício, redondo, abriga uma estátua do deus grego da luz e das artes, tocando a lira.


Foto: wikipedia_Wolfgang Staudt


O Badehaus (pavilhão de banhos) é uma casa de veraneio, com o seu próprio jardim, inspirado numa vila italiana.


Foto: wikipedia_Helge_Volkmar


O Tempel der Waldbotanik (Templo da Floresta Botânica) foi desenhado por Pigage e começou a ser planeado em 1777. A inscrição de consagração menciona a data de 1778, mas o edifício só foi concluído cerca de 1780.


Foto: wikipedia_Helge_Volkmar


O templo de Minerva foi projectado por Nicolas de Pigage e concluído em 1769. A deusa romana da sabedoria, Minerva, encontra-se várias vezes no jardim do castelo.


Foto: panoramio_de+highfly75


O mais espetacular, no Türkischer Garten (jardim turco), é a mesquita projetada por Nicolas de Pigage - a maior estrutura de seu tipo em um jardim alemão. Ornamentada com detalhes orientais, o edifício do final do Barroco foi meramente decorativa, não tendo função religiosa.


Foto: wikipedia_Andree Stephan

Foto: wikipedia_Maulaf

Foto: wikipedia_sabelzahnmaus

Site oficial: Schwetzingen Schloss

Também podem ver Fotografias maravilhosas no Site:   Heidelberg-photo

Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.fotocommunity.de/; http://gardeningingermany.blogspot.pt/2010/08/visit-to-schwetzingen-palace-gardens.html; http://de.academic.ru/dic.nsf/dewiki/1252262; http://www.schloss-schwetzingen.de/en/; outros net.

Foto: Wikipedia_Wolfgang Staudt


Não podendo conhecer ao "vivo" todos os incriveis locais do nosso planeta, podemos sempre viajar através de fotografias e de texto. A net é o meu meio de alargar os horizontes, de conhecer sitios muitas vezes longínquos, outras bem mais pertinho, mas sempre locais com uma beleza muito especial e própria que encantam o olhar e ajudam a aliviar a alma das agruras que por vezes me atormentam. O meu sincero OBRIGADO a todos os fotografos que permitem a todos nós divagar.


3 comentários:

  1. Que fotos maravilhosas!

    Isabel Sá
    https://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Um abraço cá do Algarve - Portugal.
    Um blogue representa a criatividade de uma pessoa e está a transmitir ao mundo, a seu jeito, a sua maneira de estar na vida.
    Parabéns.
    Veja também: http://umraiodeluzefeseluz.blogspot.com - Algarve

    ResponderEliminar
  3. Lindo o Templo de Minerva. Gostaria que existisse um no Brasil.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.