quarta-feira, 2 de junho de 2010

México


Viajar sem sair de casa

Por vezes não é possível viajar, as razões podem ser várias, falta de dinheiro, de saúde, idade avançada, enfim podem existir diferentes factores e motivos. No entanto, isso não deve ser impeditivo de conhecer novos locais e costumes, podemos viajar sem sair da nossa cadeira, vendo fotografias que nos transportam, se assim a nossa predisposição quiser, a lugares longínquos.
Para todos os que gostam de viajar, nem que seja através da imaginação, vou passar a colocar no meu blog fotos e informações, que nos vão permitir conhecer um pouco mais outras terras e culturas.

Hoje vamos viajar até México

Boa viagem!

O México é um país de contrastes onde os empreendimentos turísticos convivem com cidades históricas imponentes, onde paisagens áridas ou vulcões cobertos de neve medeiam com praias tropicais paradisíacas, e onde a História com raízes indígenas e espanholas se interligam.

Foto: www.alphawallpaper.com

O país faz fronteira com os Estados Unidos a Norte e com a Guatemala e o Belize a Sudeste possuindo uma linha de costa com cerca de 9500 km de extensão, e sendo banhado pelo Mar das Caraíbas a Este e pelo Oceano Pacifico a Oeste.


Foto: net

Colorido, intenso e emocional, o México tem uma cultura diversificada e os mexicanos, souberam como ninguém preservar a sua história. Aliada à religiosidade e ao patriotismo, ela transforma o México num país digno de ser conhecido e explorado. O país possui uma infinidade de sítios arqueológicos, como Teotihuacán, próximo à Cidade do México, Monte Albán, em Oaxaca, e Chichén Itzá, entre Mérida e Valladolid. Ao lado da devoção religiosa, traduzida em centenas de igrejas históricas. É um povo alegre, amável e hospitaleiro.

A bandeira do México é uma tricolor vertical com verde, branco e vermelho com o brasão nacional do México colocado no centro da faixa central. Apesar do significado das cores ter mudado com o tempo, estas três cores foram adoptadas pelo México logo após a conquista da independência relativamente à Espanha. A bandeira actual foi adoptada em 1968, mas o desenho global tem sido usado desde 1821 quando foi criada a primeira bandeira do México. A actual lei dos símbolos nacionais, que regulamenta o uso da bandeira mexicana encontra-se em vigor desde 1984.


O Brasão O brasão de armas está colocado ao centro da bandeira, e inspira-se na lenda asteca sobre a fundação Tenochtitlan. Segundo esta lenda, os astecas, então uma tribo nómada, encontravam-se a vaguear pelo México em busca de um sinal que lhes indicasse o sítio exacto onde deveriam construir a sua capital. O deus da guerra Huitzilopochtli havia-lhes ordenado que procurassem uma águia pousada em cima de um cacto que crescia sobre uma rocha submersa num lago. A águia teria no bico uma serpente que acabara de caçar. Após duzentos anos de deambulações, encontraram o sinal prometido numa pequena ilha no pantanoso lago de Texcoco. Aqui fundaram a sua capital, Tenochtitlan, que mais tarde se tornou conhecida como Cidade do México, a actual capital do México.

Tipo de Governo: È uma república democrática, representativa e federal integrada por 32 entidades federais que ocupa a parte meridional da América do Norte.

O idioma: Espanhol.
A moeda:Peso mexicano.

O clima do México é de uma grande diversidade. A situação geográfica do país coloca-o em duas áreas bem diferenciadas, separadas pelo Trópico de Câncer. Este paralelo separaria o país em uma zona tropical e uma temperada. No entanto, o relevo e a presença dos oceanos influem muito na configuração do mapa dos climas no país. Os meses mais quentes vão de Abril a Julho; os mais chuvosos de Julho a Setembro; os mais frios de Novembro a Fevereiro.

 Foto: pessoal

Os climas áridos e semi-áridos dominam 60% do país, sobretudo a NO (Baixa Califórnia, Sonora, Chihuahua), com temperaturas (negativas durante o inverno) amenizadas pela altitude na região do planalto Central. O Iucatán e a costa leste têm clima tropical húmido, com ocorrência de furacões no verão.

A Economia do México baseia-se no comércio, na indústria, na agricultura e na exploração mineral. A expansão da agricultura e a criação de gado (30 milhões de cabeças de gado bovino) tiveram um enorme impacto sobre as áreas de floresta que, no período de 1981-90, desapareceram à razão de 6,8% em cada ano. A indústria extractiva engloba o petróleo, o ferro, o zinco, o cobre, o chumbo, o manganésio, o mercúrio, a prata, o ouro, o sal, a gipsita, o enxofre e a barite. Os produtos industriais são o equipamento para os transportes, os produtos alimentares, as bebidas, o tabaco, os produtos químicos, os produtos metálicos, os produtos minerais, os derivados do papel e os têxteis. Os principais parceiros comerciais do México são os EUA, a Espanha, a Alemanha, o Canadá, o Japão e o Brasil. 


 Foto: Pessoal


A Gastronomia Mexicana embora tenha muita influência indígena, foi praticamente estabelecida durante a colonização espanhola. Por uma grande parte de seus ingredientes são de origem espanhola. De origem indígena, os ingredientes usados na culinária mexicana é o milho, feijão, abóbora, abacaxi, batata-doce, tomate, cacau, perus e frutas e especiarias. Da mesma forma, algumas técnicas de cozinha que são usados hoje são o legado de pré-povos colombianos, como durante o processamento de milho, os fornos de cozimento de alimentos a-terra, moagem em almofariz e metate. Com o espanhol, veio a carne de porco, carne de frango, pimenta, açúcar, leite e todos os seus derivados, trigo e arroz, cítricos e outra constelação dos ingredientes que fazem parte da dieta diária dos mexicanos.


Etnias: O México é um país de diferentes etnias e religiões. É um país com séculos de tradição e história, onde a mistura racial é uma das suas principais características. A fusão dos indígenas meso-americanos e os espanhóis nasceu neste grande país. Além dos indígenas meso-americanos e os espanhóis, no México, devemos mencionar também os africanos e os asiáticos.


Civilizações importantes Pode dizer-se que o México teve quatro civilizações principais e unificadoras: a olmeca, teotihuacan, a tolteca e a mexica. Estas quatro civilizações estenderam a sua influência por todo o México – e para além deste - como nenhuma outra. Consolidaram poder e influenciaram o comércio, arte, política, tecnologia e teologia.



religiões O país é predominantemente católico romano (89%), com 6% de adesão a várias fés protestantes e os restantes 5% ou a aderir a religiões menores ou sem religião.

A capital é Cidade do México
A Cidade do México, está a 2.250 metros acima do nível do mar. Trata-se do Distrito Federal que por sua vez oferece um mundo de diversificações salpicado com narrações para evocar interessantes passagens na rica história mexicana.

Foto: wikitravel.com

O centro histórico da cidade do México foi declarado Património da Humanidade pela UNESCO em 1987, sendo a Plaza de la Constitución, também conhecida por el Zócalo, um dos principais pontos de interesse. Esta praça foi pavimentada pela primeira vez em 1520 sob as ordens de Hernán Cortés com pedras provenientes dos templos e palácios da cidade azteca de Tenochtitlán, sobre a qual foi construída a capital.

Plaza de la Constitución - El Zócalo

Foto: wikipedia_Flickr user schlaeger

Na parte Norte situa-se a catedral Metropolitana construída em 1520 pelos espanhóis. Próximo da catedral podem-se encontrar vestígios do Templo Mayor, o principal santuário azeteca, bem como um museu dedicado a este templo com diversos objectos de interesse arqueológico.

Templo Mayor


La Alameda, antigo mercado azeteca, é hoje um parque aprazível rodeado por ruas que incorporam uma mistura de mansões coloniais, arranha-céus, restaurantes, cafés e mercados. O Chapultepec é o maior parque da cidade e reúne diversos museus, vendedores ambulantes, parques de diversões, e a residência oficial do Presidente da República.

Parque Chapultepec

Foto: wikimapia.org

Outras atracções turísticas da cidade :
A basílica da Guadalupe
As casas coloniais de San Ángel
A pirâmide de Cuicuilco
A praça Garibaldi
Os canais de Xochimilco


Teotihuacán
A cerca de 50 km do centro da capital situa-se a mais antiga cidade do México: Teotihuacán. Esta cidade foi a primeira capital da primeira grande civilização mexicana e crê-se que durante o século VI habitassem nesta cidade cerca de 200 mil pessoas, tendo recebido a nomeação de Património da Humanidade pela UNESCO em 1987.

Teotihuacán vista da Pirâmide da Lua

Foto: http://famouswonders.com

Outras atracções turísticas da cidade :
● O pirâmide do Sol

● O pirâmide da Lua

Guadalajara
A segunda maior cidade do país, Guadalajara, situada no estado de Jalisco, é a fonte da maioria das tradições e particularidades do povo mexicano. É desta cidade que provêm os mariachis, a tequila, ou o rodeio mexicano. Pode-se considerar que Guadalajara possui todas as virtudes da capital com uma cultura vibrante, vários grandes museus de arte e boa gastronomia.

Algumas atracções turísticas a visitar :
A grande catedral com as suas torres gémeas

Foto:wikipedia_Walkirya8899

O Museu do Topo Mágico da Criança
Instituto Cultural Cabanas.
A praça de los Mariachis com música e animação.
Barranca de Oblatos


Museu de História Zapopan

Taxco
Um pequeno povoado colonial encravado nas montanhas, onde se situam as mais importantes minas de prata do mundo, e localizado a meio caminho entre a Cidade do México e Acapulco. A cidade de Taxco, onde vive “o maior povo de artesãos do mundo” é conhecida como a capital Mundial da Prata, onde cerca de três quartos da população trabalha em ofícios relacionados com o trabalho deste metal. 

 Foto: wikipedia_Alejandro Linares Garcia

Taxco é de facto o centro da joalharia e detém o estatuto de Monumento Histórico Nacional, atraindo milhares de turistas que procuram objectos prateados únicos feitos pelos artificies locais. A Igreja de Santa Prisca,um dos exemplos mais representativos da arquitectura barroca no México, com as suas tonalidades multicolores, as ruas empedradas, o barroco mexicano estampado nas casas, as lojas singulares e o artesanato de prata que se exibe por todo o lado, dão a esta vila um encanto mágico.

Atracções turísticas a visitar :
casas Humboldt e Borda
Museo de la Platería "Antonio Pineda
Templo de San Bernardino de Siena


Museo de Historia Social de Taxco Siglo XX
Grutas de Cacahuamilpa

Foto: www.taxco.com

Oaxaca
A cidade de Oaxaca está localizada na região sul do México, mesmo no meio de uma área cercada por quatro vales, vale do Etla, Zimatlan, Ocotlan e Tlacolulaque, e cercada pela Serra Madre do Sul, através de e Madre Oriental (ou Serra de Oaxaca),  o que favorece um clima temperado. Nesta cidade, capital do estado de mesmo nome, pode-se admirar a arquitectura dos seus magnificos edifícios do centro histórico, declarado Património Mundial da Humanidade pela UNESCO. Oaxaca, é um misto de arquitectura colonial e ambiente indígena com os seus mercados, artesanato e vivências zapotecas e mixtecas ainda presentes. A cidade tem uma grande variedade de museus onde se encontram  ricos achados arqueológicos, históricos e artísticos do povo de Oaxaca.

Atracções turísticas a visitar :
A Catedral

A Basílica de Solidão
o Zocalo ou Praça da Constituição
Templo de San Felipe Neri
Templo e antigo Convento de Santo Domingo de Guzmán


Monte Alban, antiga capital da cultura zapoteca


Yagul

A partir de Oaxaca pode realizar diversas excursões de um dia às ruínas dos montes Albán, Cuilapán, Yagul e Mitla, bem como visitar os diferentes mercados e centros de artesanato espalhados pela cidade.

A Península de Yucatán
A Península do Yucatán, é delimitada a norte e a leste pelo Golfo do México e pelo Mar das Caraíbas, é a região mais oriental do estado mexicano e possui um regime climático muito particular. A altitude média pouco supera o nível da água do mar, a pluviosidade durante o Verão é das mais elevadas do país, e quase todo o território - plano e sem significativos relevos montanhosos - se reveste de um imenso manto verde de floresta subtropical.


É a porta de entrada para o mundo da civilização Maia e é nesta região que se pode encontrar o maior número de vestígios arqueológicos traduzidas nas impressionantes ruínas de Uxmal e Chichén Itzá, ambos proclamadas Património Mundial pela UNESCO em 1996 e 1988, respectivamente.

Uxmal, uma das cidades maia mais interessante do Yucatan, foi um dos principais centros religiosos da região. São  quatro os principais edifícios de Uxmal, o Cuadrángulo de las Monjas, o Templo das Tartarugas, o Palácio do Governador e a Pirâmide do Adivinho.

Foto: wikipedia_Sybz

Em Chichen Itza o templo-pirâmide de Kukulcán é, a par do Observatório, uma construção bem representativa dos interesses e dos conhecimentos de astronomia e de matemática dos Maias, bem reflectidos na arquitectura. Os diversos terraços representam os dezoito meses do calendário maia. Cada uma das escadarias de acesso ao templo tem noventa e um degraus, o que perfaz um total de 365.


Foto: Pessoal

Mérida a capital do Yucatán conserva quase intacto o seu ar de cidade colonial, é uma das mais antigas cidades mexicanas.



Puerto Vallarta
Puerto Vallarta, uma cidade pitoresca situada próximo da Bahía de Banderas a Oeste da capital e de Acapulco situada a Sul, ambas no Oceano Pacifico, são as duas mais importantes regiões de turismo do país, onde não faltam grandes empreendimentos turísticos, praias de areia branca e águas amenas, palmeiras e muita diversão.



O turismo é um dos principais factores para o desenvolvimento económico deste município. Puerto Vallarta oferece aos seus habitantes e visitantes belíssimas praias, uma grande quantidade de belezas naturais, monumentos históricos e obras de arte.


Acapulco
Também conhecida como Pérola do Pacífico, Acapulco é uma cidade do Oeste do México. Situa-se no Estado Guerrero e a sua baía, a Baía de Santa Lucía. Esta Baía é o local que une o Oceano Pacífico a este encantador lugar, Acapulco, cujo nome vem de Acalt Pul Co, o "lugar de canas grandes". Mas não é por essa razão que Acapulco é conhecida, mas sim pelas suas praias, como a Praia de Tamarindos, uma praia lendária.

Foto: wikipedia_Gmasterman

Acapulco possui diversos pontos turísticos, na zona centro e do velho Acapulco destacam o Zócalo, a Igreja de Nossa Senhora da Solidão, com duas preciosas torres cobertas de azulejos amarelos e azuis, o Forte de São Diego, reconstruído no séculpo XVIII e com um fascinante museu no interior, o Mercado Municipal, o maior que se pode ver em qualquer lugar da praia, o Mágico Mundo Marino, onde se realizam exibições marinhas e as Praias de Caleta e Caletilla.

Igreja de Nossa Senhora da Solidão


Cancun
Cancun situa-se na parte Este do México, junto ao Mar das Caraíbas, é o destino turístico mais importante do México e uma dos mais reconhecidos no mundo inteiro. Banhada pelas águas turquesa do mar do Caribe, Cancun oferece incomparável beleza de suas praias onde se pode praticar todos os tipos de atividades e desportos aquáticos.

 Foto: Pessoal

Localizado no estado de Quintana Roo, na região da Península de Yucatán, tem um clima semitropical. É um local com muito para ver a apreciar entre o muito que tem para oferecer encontra-se as Ruínas del Rey, uma das mais bem conservadas ruínas maias. Nos arredores de Cancun, situa-se a Riviera Maya Playa del Carmen, Xcaret e Xel-Ha, antigas portas maias, agora transformado em autêntico paraíso ecoturismo, e interessante o sítio arqueológico de Tulum, localizados em frente ao mar a única cidade amuralhada da cultura maia.

Tulum

Foto:wikipedia_Bjørn Christian Tørrissen

Perto de Cancún, ao largo, merece uma visita a Isla Mujeres e Cozumel, destinos ideais para o  mergulho em recifes habitada por centenas de peixes multicoloridos, uma experiência inesquecível.


As cristalinas águas, quer da lagoa quer no mar aberto, são ideais para a prática do mergulho, com e sem garrafas. É um lugar de turismo ecológico, com parques como Xcaret. 

Foto: Pessoal

O Clima tropical, as praias, rios e parques ecológicos de sonho, a natureza, o património histórico riquíssimo e as fortes raízes culturais, aliadas à simpatia do povo Mexicano tornam o México um destino de eleição para umas férias inesquecíveis.

Fontes e Fotos : “Manualdoturista”; “Viagensimagens”; “Wikipedia”; “destinoseviagens”; “Viagenspelomundo”; http://famouswonders.com, “Worldtravel”; “Advantagmexico”; Pessoais; outros


* Fotos: Net
As fotografias sem indicação dos autores é porque não os consegui identificar. Se forem suas, por favor queiram contactar-me que colocarei imediatamente o seu nome, ou retiro-as se for esse o seu desejo. Não é de maneira nenhuma minha intenção quebrar direitos de autor.

Photographs without the authors’ names are because I could not identify them. If they are yours, please contact me and I will put immediately your name, or remove them, if that is your wish. It is not my intention to break authors rights.



"Viajar é levar o teu corpo onde o teu espírito já está." Marlus Novis

12 comentários:

  1. Maria amiga...que vontade de estar nestes lugares de verdade...são lindos demais...uma riqueza cultural imensa... mas enquanto não vou... adorei poder conhecer e viajar aqui no blog contigo, por estes encantadores lugares.

    Beijos...
    Valéria

    ResponderEliminar
  2. Fotografias fantásticas e um passeio turístico, muito agradável.
    Obrigado por esta partilha.

    ResponderEliminar
  3. "Quem não é capaz de entender o silêncio de um
    amigo também nunca há de compreender suas palavras.
    Escutar é muito mais difícil do que falar e olhar."

    Piet Van Breemen


    BOM FDS.....Beijos & Flores!! M@ria

    ResponderEliminar
  4. Teus posts são tão maravilhosos que merecem um prêmio, amiga! Indico sempre os teus blogs aos amigos: adooooro!
    Bjkas, muitas!

    ResponderEliminar
  5. *
    México,
    o País dos contrastes,
    ,
    conchinhas,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  6. Como faço estas "viagens"!!!! Colecciono postais de várias partes deste nosso mundo e assim vou "viajando" por aí.
    Post maravilhoso. Parabéns!

    ResponderEliminar
  7. ...simplesmente D+, lindas escolhas...
    Tenha uma semana iluminada...
    Adoraria conhecer estes locais, o qual temos o prazer de ver em tuas postagens...
    Abraços!

    ResponderEliminar
  8. Como foi bom, reviver. Este país é lindo e com tantos contrastes, mas sem dúvida um povo super simpático.

    ResponderEliminar
  9. Estive no México e concordo com todos os seus comentário. Ficou faltando a região central do sul do México, como a famosa cidade histórica de Puebla, o sítio de Cholula, Cuescomate e a lenda do vulcão Popocatepetl.

    ResponderEliminar
  10. Nossa família já foi duas vezes para Cancun, é mágico, iremos voltar novamente, Águas azuis de tirar o fôlego. Sei que a costa brasileira é linda, mas nada se compara ao mar do caribe nesta região.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.