16/10/2021

Observando a paisagem do alto das arribas





As fotografias guardam para sempre, momentos e sítios especiais, permitindo em qualquer altura,  recordar e visualizar o que tocou o nosso olhar. Das minhas férias na Praia da Rocha,  ficam hoje mais alguns desses"olhares"especiais.

Observando a paisagem do alto das arribas











Como é bom deixar o olhar divagar pelo horizonte e acompanhar o voo de uma gaivota.

LEIA MAIS

09/10/2021

Mosteiro de Santa Cruz - Coimbra



Olhares das nossas últimas férias em Coimbra.

    Visitando o ....

Mosteiro de Santa Cruz





O Mosteiro começou a ser construído a partir de 1131 com o apoio de D. afonso Henriques, tendo as suas obras prolongado-se por quase um século. Foi fundado pelo Arcediago D. Telo, D. João Peculiar e S. Teotónio (primeiro Prior do Mosteiro e primeiro Santo de Portugal) e outros religiosos, que adotaram a regra dos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho. O primitivo edifício do mosteiro e igreja de Santa Cruz foram um projeto de autoria do mestre Roberto, conceituado artista do estilo românico. A partir de 1507, o rei Manuel I de Portugal ordenou uma extensa reforma, reconstruindo e redecorando o mosteiro e a sua igreja. Hoje já pouco existe da construção românica original.




A igreja, o claustro e as capelas foram reconstruídos no séc. XVI, de acordo com um plano de Diogo de Boitaca. No século XVIII instalou-se um novo órgão, em estilo barroco, obra do espanhol Manuel Gomes Herrera (autor do instrumento musical) e Francisco Lorete (caixa em madeira entalhada).





Na capela-mor encontram-se os túmulos dos dois primeiros reis de Portugal, D. Afonso Henriques e seu filho D. Sancho I. Os túmulos estão decorados com várias estátuas e elementos gótico-renascentistas, além dos símbolos de D. Manuel I, a esfera armilar e a cruz da Ordem de Cristo.




Sacristia é um exemplar típico do estilo maneirista, construída entre 1622 a 1624 por Pedro Nunes Tinoco. Está decorada com azulejos seiscentistas e possui quadros notáveis de dois dos melhores pintores quinhentistas portugueses: Grão Vasco e Cristóvão de Figueiredo. Encontram-se guardadas, em relicários de prata, as relíquias de alguns santos, como S. Teotónio e os Mártires de Marrocos.





No Coro alto o magnifico cadeiral, é um dos raros da época manuelina ainda existentes no país e deve-se, ao entalhador flamengo Machim, que o instalou na capela-mor (1513), tendo a obra sido prosseguida por João Alemão (1518) e, mais tarde (1531), pelo escultor francês Francisco Lorete.




A sala do capítulo, manuelina, construída por Diogo Boitaca entre 1507 e 1513, possui uma capela maneirista de São Teotónio, datada de cerca de 1588 e de autoria de Tomé Velho. Nessa capela se encontram os restos do fundador do mosteiro, canonizado já no século XII.




Junto à Sala do Capítulo está o "Claustro do Silêncio", obra de Marcos Pires construída entre 1517 e 1522, tendo abundante decoração manuelina. Existem várias capelas no claustro e num dos cantos encntra-se a Fonte de Paio Guterres. Ao centro do relvado está uma linda fonte do século XVII.





LEIA MAIS

02/10/2021

Apreciando os belos Vitrais do Porto




O Porto é uma cidade encantadora e sempre que lá vou, há algo de novo para ver e fotografar. É claro que não publico tudo seguido (senão tornava-se aborrecido) assim vou guardando todos esses olhares e de vez em quando, os que considero especiais, vou partilhando aqui no meu cantinho.

Vindos da bela cidade do Norte, deixo hoje "olhares" sobre uma arte incrível...


Vitrais do Porto



Igreja de Santo Ildefonso

Igreja de Santo Ildefonso


Os vitrais tiveram a sua origem no Oriente por volta dos séculos X e XI. Representam geralmente cenas ou personagens e são um tipo de vidraça composta por pedaços de vidro coloridos ou pinturas sobre o vidro.


Sé Catedral do Porto

Sé Catedral do Porto


Floresceram na Europa durante a Idade Média, sendo amplamente utilizados na ornamentação de igrejas e catedrais, uma vez que o efeito da luz do sol que, por eles, penetrava, conferia uma maior imponência e espiritualidade ao ambiente, efeito reforçado pelas imagens retratadas, sendo a sua maioria cenas religiosas. 


Igreja da Trindade

Igreja da Trindade

Igreja de Santo Ildefonso


Esta arte decorativa que conjuga cor e luz, transmite serenidade e harmonia, deslumbra o nosso olhar e ajuda a nossa alma a encontrar, nem que seja apenas por momentos, a tão desejada paz interior.


LEIA MAIS


Publicação em destaque

A Noite nas minhas Viagens

Luzes da Noite pelo mundo fora ... A noite em Macau No Japão Dubai ...