terça-feira, 24 de novembro de 2015

Alpes Românticos - A histórica cidade de Nuremberga – Alemanha




A última cidade que visitámos no circuito pelos Alpes foi a histórica cidade de Nuremberga. O seu centro histórico é rodeado ainda pela antiga muralha que tem uma extensão de 4 km.




Passeando pelo centro histórico






Nuremberga foi a cidade de um dos mais famosos artistas do Renascimento nórdico, Albrecht Dürer (Nuremberga, 21 de maio de 1471 — Nuremberga, 6 de abril de 1528). Albrecht Dürer foi gravador, pintor, ilustrador e matemático. Os seus interesses abrangiam ainda outros campos, como a geografia, a arquitetura, a geometria e a fortificação. 




Antiga casa de Albrecht Dürer, hoje um museu com exposições sobre sua vida.




St. Lorenz Kirche (St. Lawrence), é uma igreja medieval dedicada a São Lourenço. A igreja foi seriamente danificada durante a Segunda Guerra Mundial, tendo sido mais tarde restaurada. É uma das igrejas mais proeminentes da Igreja Evangélica Luterana na Baviera.






Junto à Igreja, na praça Lorenzer Platz, está a Fonte das Virtudes, Tugendbrunnen (Fountain of Virtues). É do tempo do renascimento tendo sido construída entre 1584-1589.





No centro da praça Principal (Hauptmarkt), encontra-se outra belíssima igreja, é a igreja gótica Frauenkirche. A Frauenkirche ("Igreja de Nossa Senhora"). Foi construída por iniciativa de Charles IV, imperador do Sacro Império Romano entre 1352 e 1362. Uma das características mais notáveis da igreja é o Männleinlaufen, um relógio mecânico que comemora a Bula de Ouro de 1356. O relógio foi instalado na igreja em 1506. O mecanismo de relógio é ativado ao meio-dia, um sino é tocado para iniciar a sequência seguido pelos trompetistas e baterista.





St. Sebaldus Church, a Igreja de S. Sebaldo, fica localizada na Albrecht-Dürer-Platz, em frente à velha prefeitura. O seu nome é uma homenagem a São Sebaldo, Santo Padroeiro de Nuremberga. A igreja sofreu fortes danos na altura da Segunda Guerra Mundial, tendo sido posteriormente restaurada.




A Ponte Fleischbrücke, é uma ponte em pedra da época da Renascença que cruza o Rio Pegnitz. Tem 27 metros de comprimento e foi inaugurada em 1598. 




Outra ponta que cruza o rio Pegnitz, é a Museumsbrücke (Ponte museu), uma ponte em arco localizada na parte superior da King Street e que liga a principal praça do mercado com a Igreja de St. Lorenz. Tem um Monumento dedicado ao imperador D. José I. 






O Ochsenportal, é um portal com a escultura em pedra de um boi deitado, em estilo renascentista foi construída em 1599, como o arco de entrada para o edifício "novo" (1570-1571), o principal mercado de carne da altura.




Narrenschiff, escultura em bronze com 3,6 metros de altura, representa um barco com sete pessoas, um esqueleto e um cão. A escultura é baseado em xilogravura de Albrecht Dürer Ilustrando a edição de 1497 do livro The Ship of Fools (o barco dos tolos) de Sebastian Brant (1457-1521). O autor da escultura foi o escultor alemão Jürgen Weber.




Esculturas e brasões








Janelas diferentes







Estava terminado o nosso passeio, de manha partimos para Munique e voamos para casa. À semelhança do ano passado adorámos a nossa viagem, as pessoas do grupo eram impecáveis, e a Filipa, a nossa guia, uma pessoa super simpática e que dominava na perfeição o conhecimento sobre os locais que visitámos. 5 estrelas também para a agência que utilizámos, as "Viagens Abreu" do Centro Comercial Vasco da Gama. Voltaremos certamente a utilizar esta forma de viajar.

4 comentários:

  1. Viajar deste modo é maravilhoso e fiwuei fascinada com o percurso? Nunca fiz mas gostaria de fazer...e chama_se percurso Alpes Românticos? Para o ano talvez! Bj amigo

    ResponderEliminar
  2. Fantástica viagem em fotos!

    Beijo e um dia feliz
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Que viagem maravilhosa!!!!! As fotos são fantásticas.
    Amei passear através dos seus flashs
    Beijo grande

    ResponderEliminar
  4. Quando vejo suas fotografias sinto no ambiente tal é a qualidade de cada detalhe.
    Uma viagem encantada Maria. Lembrei da catedral de Colonia muito parecida com esta.
    Grato sempre por nos apresentar belas praças e viver historias.
    Um bom lindo fim de semana com alegria na família.
    Meu abraço e beijo paz amiga.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo