sexta-feira, 26 de julho de 2013

Do baú das recordações ... Tailândia




Tempo de verão é também tempo de limpezas e arrumações.  Ao arrumar albuns de fotografias encontrei as que tirei à muitos anos atrás quando fui à Tailândia com o meu marido, foi uma viagem inesquecível!




Ao revermos antigas fotografias temos a sensação de voltarmos ao passado, e de estarmos a viver novamente esses momentos.


 


As fotografias ainda eram em papel fotográfico pelo que a digitalização não ficou com boa resolução, mas não interessa, pois o importante é ficarem aqui, guardadas no meu cantinho especial.






Os Templos e os jardins são absolutamente fabulosos






Em vários locais não se podia entrar com saias ou calções acima dos joelhos, pelo que era dado à entrada uma espécie de saia para colocarmos, sendo também obrigatório deixar os sapatos à entrada do Templo.




Fomos assistir a vários espectáculos, nalguns era possível interagir com os animais ....



 
No final de um espectáculo de répteis os turistas podiam tirar fotografias e eu não resisti e aqui estou, com uma das actrizes da festa "uma jiboia", esta era bem grandinha como podem ver na fotografia.




O jantar de despedida do meu grupo. Viajamos durante cerca de 10 dias, sete pessoas mais o guia e o motorista. Eu era a única mulher, eramos dois portugueses ( eu e o meu marido ), dois amigos alemães, dois amigos holandeses e um jovem brasileiro. Foi um grupo fantástico.




Um pôr-do-sol fabuloso para terminar as recordações desses dias especiais. Para conhecerem um pouco mais sobre este país lindíssimo podem dar uma visitinha ao post que fiz sobre a TAILÂNDIA, a terra do sorriso.




Lá diz o velho ditado " Recordar é viver".




1 comentário:

  1. Por muito sitio onde passe, este é um país que nunca vou esquecer. E por 1000 vezes que o visite irei sempre voltar porque tras sempre muita saudade. É lindo!

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.