terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

2 Fim de semana em TAIWAN (II) - Shifen e Jiufen




Como referi ontem a Diana, o Fábio e a Leonor (para quem ainda não conhece eles vivem em Macau) foram passar o fim de semana a Taiwan.

O tempo não ajudou muito, pois esteve céu encoberto com períodos de chuva, mas isso não os impediu de cumprir o que tinham em mente ver.





Assim, para domingo tinham contratado um serviço de aluguer para os levar a conhecer alguns locais. De manhã saíram da cidade e foram até Yehliu Geopark que se situa a norte de Taiwan.




O Parque tem formações geológicas absolutamente incríveis





É uma península de quase 2 quilómetros que se estende para o oceano.








É uma paisagem esculpida no Mioceno, há cerca de cinco milhões de anos, e que sobreviveu até hoje mantendo sua aparência original. O sol, o vento, a chuva, as ondas e os fortes tufões que agitam a região continuam a moldar figuras impossíveis e formas fantásticas.





Lá em cima está a estátua de Lin Tienzhen, um pescador que morreu ao tentar salvar um estudante que tinha caído no mar.






Seguiram depois para Shifen Old Street.




Localizado na área de Pingxi, Shifen Old Streets é a estação ferroviária mais famosa da Pingxi Branch Line. Pingxi Branch Line, foi originalmente construída para transportar carvão, sendo na atualidade, uma ferrovia de renome internacional para descobrir a história da mineração de carvão de Taiwan. Definida pela Estação Ferroviária de Shifen, a Shifen Old Streets é preenchida principalmente dos dois lados da linha do comboio, por lojas de lanternas e lembranças, mercearias e restaurantes.






O comboio ainda passa, mas só muito espaçadamente.




Aderiram a uma das suas tradições, que é escrever o nome da família e os pedidos especiais num balão/lanterna e depois lançá-lo para o céu voando este livremente.





Todos os anos, se realiza o grande evento Pingxi Sky Lantern Festival, que é um dos três maiores do festival de lanternas em Taiwan. É realizado na Praça das Lanternas de Shifen Sky, adjacente a Shifen Old Street.




E lá vai a lanterna divagando pelo ar com os desejos pedidos pela família ...





Visitaram as Shifen Waterfall. A cascata de Shifen é a mais larga de Taiwan, com 40 metros de largura e com uma altura total de 20 metros, está localizada na parte superior do rio Keelung.




Toda a área é montanhosa e cheia do que os locais chamam, de "poços de chaleira" (buracos) nos leitos dos rios.





Estes buracos são redondos e superficiais formados pela erosão das rochas macias por pedras que recobrem as rochas macias por água rápida.






Foram até Jiufen nas montanhas. Foi pena o tempo estar de chuva e por isso a visibilidade não era muita. 


 



Fundada durante a Dinastia Qing, a pequena cidade era uma aldeia relativamente isolada até a descoberta de ouro durante a ocupação japonesa em 1893, rapidamente desenvolvendo a cidade devido a uma corrida de ouro. Muitos edifícios da cidade permanecem inalterados até hoje, reflectindo a influência japonesa tanto na arquitetura como na cultura na ilha.







É um local de ruas estreitas, lojas de artigos regionais, casas de chá e restaurantes de comida tradicional.





Foram ver as Gold Watterfall.

Localizadas perto do Gold Ecological Park em Jinguashi, a sua água tem uma cor dourada como resultado da combinação de chuvas regulares na área de mineração e a abundância de elementos de metais pesados depositados no leito do rio.






Seguiram depois para  Yinyang Sea (Xinbei), o mar de duas cores.

A coloração da água é um fenómeno natural, formado a partir do fluxo de escoamento de um rio amarelado e rico em ferro para o mar. Como a água do rio e a água do mar não se misturam rapidamente, ela cria o padrão do ying-yang. O efeito é mais acentuado e por isso melhor visível, depois de fortes chuvas, onde há um grande volume da água do rio.










Para mais tarde recordar aqui fica a foto com o John, o motorista/guia que os acompanhou durante todo o dia.




Depois foi o regresso à cidade direitinhos para o aeroporto, estava terminado o seu fim de semana.



Fotos: Diana e Fábio


2 comentários:

  1. Uma riqueza de publicação com uma família Linda... linda...AMEI!

    Beijos e um excelente dia.

    ResponderEliminar
  2. Belo passeio. Gostei imenso da reportagem fotográfica. Obrigada pela partilha Maria. Beijinho e bom fim de semana.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.