segunda-feira, 26 de novembro de 2018

Visita a Helsínquia




Da  minha viagem aos Países Bálticos deixo hoje:

Helsínquia





Helsínquia, é a capital da Finlândia e a maior cidade do país. Está localizada na parte meridional do país, na costa do Golfo da Finlândia, e é uma das mais habitáveis e socialmente desenvolvidas capitais do mundo.






O percurso de Tallin para Helsinquia foi feito de ferry.




A nossa estadia foi de apenas um dia, mas ainda deu para conhecer um pouquinho desta linda cidade.





Ficam alguns dos Pontos Turísticos  que observámos:

Praça do Senado (Senatstorget)
A Praça do senado, concebida pelo arquiteto Carl Ludvig Engel é o coração da cidade é um dos seus pontos turísticos mais importantes. De um lado da praça encontra-se o Palácio do Conselho de Estado construído em 1822, do lado oposto está o Edifício Central da Universidade de Helsínquia construído em 1832, no centro a estátua do Czar Alexandre II e no topo da praça está a Catedral de Helsínquia.




Catedral de Helsinquia (Helsingin tuomiokirkko)
Catedral Luterana, foi construída entre 1830 e 1852, em estilo neoclássico, como tributo ao czar Nicolau I da Rússia. Possuí uma cúpula maior e mais alta, que está rodeada de quatro cúpulas mais pequenas, todas em tom verde. Tem também duas torres sineiras e incorporadas estátuas dos Doze Apóstolos. O seu interior é simples, possuindo um altar datado da década de 1880, algumas estátuas, o púlpito e um grande órgão.





Esplanadi Park
Um lindo Parque urbano no centro da cidade, rodeado de esplanadas, de restaurantes e cafés.





Estação Central de Helsinquia (Rautatientori)
Importantíssimo centro de transportes, foi construída pelo arquiteto finlandês Eliel Saarinen em estilo Art Nouveau e entrou em funcionamento em 1919. O magnífico edifício da estação é uma das mais famosas obras de Arquitetura Finlandesa.




Teatro Nacional Finlandês (Suomen Kansallisteatteri)
Fundado em 1872, está localizado no lado norte da Praça da Estação Ferroviária Central de Helsínquia.




Igreja de Pedra (Temppeliaukio kirkko)
Igreja luterana, é uma obra arquitectónica moderna, idealizada pelos irmãos Timo e Tuomo Suomalainen. A sua construção teve início em 1968, tendo sido terminada e inaugurada em 1969. Foi construída a partir de uma rocha maciça de granito, cujo interior foi extraído, para dar forma às paredes. A cúpula de cobre é praticamente a única parte da estrutura que é visível a partir do exterior. No interior, a igreja é circular, sendo as suas paredes de pedra despida, o que lhe confere uma acústica de grande qualidade, sendo, por essa razão, frequentemente palco de concertos de música clássica. A iluminação é facultada por 180 pequenas janelas, que ligam a cúpula às paredes. Possuí uma varanda que permite observar a igreja de cima para baixo.




Praça do Mercado de Kauppatori
É uma das praças mais importantes de Helsinquia. Durante o período da primavera ao outono, realiza-se uma feira ao ar livre e ali se vendem especialidades tradicionais e da época, vegetais, frutas, artigos de artesanato e souvenirs. No centro da praça, encontra-se o Obelisco "Pedra da Czarina", foi erguido em 1835 para celebrar a visita do Czar Nicolau e da Czarina Alexandra. No topo está a águia de duas cabeças, símbolo da Rússia Imperial. 




Mercado Antigo (Old Market Hall)
Localizado perto da Praça do Mercado, está a funcionar desde 1889. Ali se encontram vários produtos gastronómicos como queijos, carnes, peixe, frutas, doces, especiarias e cafés entre outros.




Monumento a Sibelius
Localizado no Parque Sibelius, foi construído em 1967 pela escultora Eila Hiltunene. É um monumento em aço, dedicado ao compositor finlandês, Jean Sibelius génio da música sinfónica do século XX.




Catedral Uspenski (Uspenskin Katedraali)
Localizada no cimo de uma colina, é a principal catedral ortodoxa da Finlândia e foi projetada pelo arquiteto russo Aleksey Gornostayev. Dedicada à Dormição dos Theotokos (a Virgem Maria), o seu nome vem da palavra eslavo Old Church uspenie, que denota a Dormição. 





Helsínquia é uma cidade encantadora!




O nosso próximo destino foi: São Petersburg

sábado, 24 de novembro de 2018

Janelas e Edifícios de Tallinn




Das minhas férias em Tallinn deixo hoje os meus "clicks" das:

Janelas e Edifícios de Tallinn














Próximo post desta Viagem: Helsinquia

domingo, 18 de novembro de 2018

Torres de Tallinn




Da minha passagem por Tallinn, deixo hoje os meus "olhares" por algumas das suas lindas:

Torres de  Tallinn












Próximo post: Janelas e Edifícios de Tallinn



domingo, 11 de novembro de 2018

Passear por TALLINN




Continuando a mostrar a minha viagem aos Países Bálticos hoje vou apresentar:

Tallinn, capital da Estónia

uma linda cidade medieval 



Tallinn é uma cidade medieval dos séculos XIII a XV.  Uma das entradas na cidade antiga é pela Virus Gate, que fazia parte do sistema de defesa do muro da cidade de Tallinn, construído no século XIV.

O seu centro histórico ( a cidade antiga ) foi declarado Património Mundial da UNESCO em 1997, como a cidade medieval mais bem preservada no Norte da Europa. É um encanto percorrer as suas ruas e apreciar cada recanto desta bela cidade.







A Cidade Velha é composta por duas áreas, a parte baixa chamada All-Linn e parte alta, chamada Toompea.


Alguns dos muitos pontos de Interesse que vimos:


Raekoja Plats - Praça da Perfeitura 

É a praça central, o coração da cidade velha. Rodeada de restaurantes, cafés, de pequenos e lindos edifícios medievais,  têm a dominar o edifício da Perfeitura.


 
  


O Edificio da Perfeitura em estilo gótico, foi construído entre 1371 e 1404. No topo da torre principal foi colocado em 1530 o cata-vento Guarda Urbano - Old Thomas (Velho Thomas), um cata-vento com o formato de um pequeno guerreiro, que se tornou um símbolo de Tallinn.





Muralhas e Torres 

Grande parte da cidade está rodeada de antigas muralhas defensivas, possuindo ainda várias torres algumas das quais, podem ser visitadas por dentro.




Church of the Holy Spirit - Igreja do Espírito Santo

A sua construção começou provavelmente durante a primeira metade do século XIII, e a igreja é mencionada em fontes escritas pela primeira vez em 1319. Na sua fachada destaca-se um lindo relógio em azul e dourado, o mais antigo de Tallinn, esculpido por Christian Ackermann no século XV.



Jardins

Apreciar os seus belos Jardins






Ruas e edifícios

Descobrir  as suas lindas e tradicionais ruas e edifícios






Katarina Kaik (Passagem de Santa Catarina)

Passear por uma das ruas com o aspecto mais medieval da cidade.




Restaurante "Olde Hansa"

Comer num dos restaurantes mais antigos de Tallinn o " Olde Hansa". O ambiente é espectacular recriando a idade medieval, com os empregados vestidos com trajes típicos e comendo à luz de velas.





Pikk jalg Long Leg Gate Tower 

Porta de acesso para subir ou descer a rua Pikk jalg até Toompea, a parte alta da cidade antiga.




Em Toompea podemos apreciar: 


A Catedral Aleksander Nevski

Catedral ortodoxa, foi construída entre 1894 e 1900 e consagrada em 30 de abril desse ano, durante o período no qual a atual Estónia fazia parte do Império Russo. Foi projetada seguindo o design de Mikhail Preobrazhensky, baseado no antigo modelo arquitetónico russo. Está dedicada ao santo Alexandre Nevsky.




Danish King Garden - Jardim do Rei Dinamarquês

Um jardim pequeno e tranquilo onde se encontram três estátuas de monges sem cara. De acordo com uma antiga lenda, este é o local onde uma bandeira desceu do céu durante a invasão dinamarquesa; esta bandeira virou o curso da batalha em favor do rei Valdemar II. Mais tarde, a bandeira tornou-se a bandeira nacional da Dinamarca.





Catedral de Saint Mary (Toomkirik) 

A Catedral de Santa Maria, foi originalmente fundada pelos dinamarqueses no século XIII, é a igreja mais antiga de Tallinn e da Estónia continental. Foi a única que conseguiu resistiu ao grande incêndio do século XVII. Originalmente, era uma igreja católica romana, mas desde 1561 passou a ser luterana.




Visitar os Miradouros: 

Patkuli viewing plataform





Kohtuotsa viewing platform




Tallinn é uma cidade encantadora.
No dia seguinte apanhamos um ferry e seguimos em direcção a Helsinquia.




Texto explicativo: Wikipedia
Próximo Post: Torres de Tallinn



Topo